Facebook

Image Map

7 de novembro de 2017

Exposição Tropicália Neobarroca inicia quinta-feira na Pinacoteca da reitoria






A partir do dia 9 de novembro, a exposição “Tropicália Neobarroca ou Tropifagia dos Sentidos” ficará uma temporada na Pinacoteca da Reitoria da Universidade do Estrado do Rio Grande do Norte (UERN). O vernissage será nesta quinta-feira, às 16h30, e contará com a apresentação do “Recital dos Sentidos Gozosos”. As obras ficarão disponíveis para a visitação do público até dia 10 de dezembro.

De acordo com a curadora, a professora Dra. Leila Tabosa, a mostra conta com 12 telas do artista Isaías Medeiros, que ela classifica como antropófago neobarroco da cultura brasileira. Isaías Medeiros é egresso da UERN, do curso de Letras-Espanhol, e estudante do curso de Línguas-Vernáculas. “É uma honra para a UERN contar com artistas do nível de Isaías, que leva a arte a um nível universal”, elogia.
A exposição faz parte do projeto de extensão “FALA, BARROCO, entre a Literatura e o Espetáculo”, coordenado pela professora Dra. Leila Tabosa, da Faculdade de Letras e Artes (FALA) da UERN. A mostra é terceira do artista plástico Isaías Medeiros, inspirada no Movimento artístico e fundamentada nas teorias barrocas-neobarrocas.
A mostra marca as comemorações dos 50 anos da Tropicália, movimento artístico e libertário que se iniciou em 1967. O exagerado escândalo-colorido dos tons, o apelo para a mudança de mentalidade e para a consciência política pelo uso da música, do corpo em performance e da poesia são características marcantes da Tropicália e permanecem atuais dentro do conceito de Neobarroco.