Facebook

Image Map

31 de outubro de 2017

Estafa: Conheça os sintomas e saiba como combater o problema



Recentemente, o cantor Zezé de Camargo passou mal durante a gravação de um comercial em São Paulo e foi parar no hospital. O diagnóstico apontou que o sertanejo sofreu de estafa, um problema mais popularmente conhecido como esgotamento físico ou mental. 

A assessoria de Zezé explicou que, nos últimos dias, o profissional estava com a agenda lotada e cumprindo um compromisso atrás do outro e tinha poucas horas de intervalo. O excesso de trabalho e o descanso escasso teriam motivado o mal-estar. 

Segundo Sarah Lopes, psicóloga do Hapvida, o problema é mais comum do que se imagina e pode ser ocasionado por vários motivos, desde o exagero nas horas de trabalho, até mesmo o excesso de atividades físicas ou de lazer. “A estafa ocorre quando o indivíduo expõe seu corpo ou sua mente de forma exaustiva a situações de pressão ou a situações inadequadas durante um período de tempo excessivo”. 

A estafa pode ser tanto física quanto mental, mas, geralmente, uma desencadeia a outra. Entre os sintomas mais comuns do desiquilíbrio estão à dificuldade de concentração e memória, apatia, fadiga, irritabilidade, aumento da pressão arterial, insônia, gastrite e problemas cardíacos. 

De acordo com Sarah, a especialista, tudo é causado pela falta de respeito aos limites do corpo e da mente e pode afetar tanto adultos quanto crianças. A sensação de que precisa estar o tempo todo em movimento e executando várias atividades ao mesmo tempo, pode ser perigoso. Por isso, a psicóloga destaca que é importante encontrar um ponto de equilíbrio: 

“O segredo é respeitar o corpo e a mente e procurar equilibrar as atividades entre lazer e trabalho. Respeitando sempre o bom senso, neste caso, buscar atividades que possam devolver o equilíbrio corporal e mental, como meditação, yoga, atividade física de alto impacto, tudo de acordo com o que o indivíduo mais se adequar".