Facebook

Image Map

21 de setembro de 2017

Semarh anuncia perfuração de 60 poços para abastecimento na Serra de Santana



Na manha de ontem (20), o Secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Ivan Júnior, participou, em Lagoa Nova, de uma audiência pública para discutir a situação das comunidades rurais abastecidas pela adutora da Serra de Santana. A Companhia de Águas e Esgoto do RN (Caern) também estava representando o Governo do Estado.

A reunião, que aconteceu na Casa Paroquial da cidade, faz parte uma série de encontros que o Governo vem articulando com o Fórum das Associações do município para regularizar a situação hídrica na Serra.

Durante o evento, Ivan Júnior anunciou a perfuração de 60 poços, distribuídos nos município de Bodó, Tenente Laurentino, Florânia, Santana dos Matos, Lagoa Nova, São Vicente. O Secretário ressalta que os poços serão de uso coletivo e que a escolha dos locais onde serão instalados será feita pela própria população. O investimento de mais R$ 700 mil será executado com recursos do tesouro estadual.

“Cada cidade vai ser beneficiada com dez poços tubulares. Nossa intenção é amenizar as dificuldades que os agricultores enfrentam com a irregularidade do abastecimento”, ressaltou o Secretário.

Na oportunidade, a Caern apresentou o Plano original de Abastecimento da adutora Serra de Santana e a atual situação do sistema. Também foram discutidas diversas ações necessárias para otimizar a distribuição de água, como um trabalho de educação ambiental sobre uso racional, conserto de tubulação, reservatórios e hidrômetros, fiscalização de ligações irregulares e revisão da tarifa cobrada.

A companhia também está elaborando um diagnóstico contendo uma avaliação dos sistemas de distribuição que atendem as comunidades, levando em consideração todas as ramificações que foram desenvolvidas, sem projetos, para ampliar o abastecimento na zona rural.

“O Governador Robinson não tem medido esforços para atuar na mitigação dos efeitos dessa seca, que é a maior da história do RN”, finaliza Ivan.

Prefeitos, Igreja Católica, Seapac, Consórcio Intermunicipal de Saneamento da Serra de Santana (Conisa), Câmara de Vereadores, Conselhos, Associações e fóruns da Serra de Santana também participaram da reunião. Uma nova reunião ficou agendada para o dia 20 de outubro.