Facebook

Image Map

18 de setembro de 2017

Prefeitura lança programação da Semana Nacional do Trânsito em Mossoró



A Secretaria Municipal de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito lançou na manhã desta segunda-feira, 18, a programação da Semana Nacional do Trânsito em Mossoró, que acontece até o dia 25. A ação tem o intuito de conscientização social este ano com o tema ‘Minha escolha faz a diferença’. O lançamento aconteceu no auditório do Senai, com participação de autoridades ligadas ao trânsito e alunos da instituição.

O foco das ações deste ano está na mudança de comportamento dos motoristas, ciclistas e pedestres. Por isso, também estão sendo lançados quatro folders educativos que abordam a violência e o Disque Segurança.

O secretário de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito destacou que a campanha é nacional, mas luta por uma cidade segura. “Precisamos focar na prevenção dos acidentes. Vamos focar na educação e prevenção para diminuir as altas estatísticas”, disse Eliéser Girão.

O diretor do Senai Francisco Moreira Maio destacou que educar é caminho para transformar. “É comum jogar no outro a responsabilidade que é nossa, por isso o tema da campanha é importante, por que a nós mesmos às nossas atitudes”, ressaltou.

A prefeita Rosalba Ciarlini afirmou que a campanha é para toda a cidade, para que todos se envolvam e apresentou o link da Ouvidoria do município. “Cada um de nós deve fazer a sua parte, é esse o modelo de Cidade Inteligente que queremos implantar em Mossoró, trabalhando a partir de todos”, disse.

A prefeita falou ainda sobre os livros do projeto Trânsito Legal, que serão distribuídos para os alunos da rede municipal de ensino. “Um matéria para os cinco primeiros anos do Ensino Fundamental, que vai orientar já a partir das crianças sobre a conscientização para um trânsito seguro”, continuou.

Durante toda a semana, a Secretaria de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito terá programações educativas no sentido de orientar e conscientizar a população sobre a não violência no trânsito.