27 de julho de 2017

Atenção básica às famílias cresce 90,77% no primeiro semestre deste ano


A Secretaria do Desenvolvimento Social e Juventude apresentou números da evolução dos indicadores sociais de janeiro a junho deste ano, comparados ao mesmo período do ano passado. Em 2016, a porcentagem de atendimentos na Atenção Básica (PAIF) foi de 48,42% e nos seis primeiros meses deste ano 139,19%, um aumento de 90,77%.

A secretária municipal do Desenvolvimento Social e Juventude, Lorena Ciarlini, destacou que o avanço foi possível a partir dos esforços da equipe para a qualificação dos serviços da assistência social ou estabelecimento das novas estratégias para identificar as situações de maior vulnerabilidade e os potenciais para superá-las.

No que se refere ao Programa de Atenção Especializada à Família (PAEF), cujos atendimentos são realizados no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), de janeiro a junho, foram atendidas este ano 1.045 famílias, o que corresponde a 80,38% de aumento em relação ao ano passado.

“Foi um aumento significativo, o que mostra que estamos alcançando mais as situações vivenciadas pelas famílias e oportunizando mais proteção Social”, destacou a assistente social do Serviço Único da Assistência Social (SUAS), Irenice de Fátima.