Facebook

Image Map

2 de maio de 2017

Felipe Maia destaca santificação de mártires potiguares

Exibindo Felipe Maia fala sobre mártires-Toninho Barbosa.jpeg

Em discurso na tribuna da Câmara na terça-feira (02), o deputado federal Felipe Maia destacou a canonização dos Mártires do Rio Grande do Norte pelo Vaticano. Por ódio à Igreja Católica, os holandenses sacrificaram em 1645 mais de 80 fieis, em Cunhaú e Uruaçu. Destes, 30 foram martirizados e serão declarados santos em outubro deste ano.

Para Felipe Maia, a canonização representa momento de alegria para o RN e o Brasil. “O nosso estado oferecerá ao mundo 30 santos reconhecidos pela chancela da Igreja Católica como pessoas que defenderam a fé e deram testemunho de Cristo em solo brasileiro”, explicou o parlamentar.

Depois de um longo processo de pesquisas e buscas históricas promovidos pela Igreja Católica no RN, os mártires de Cunhaú e Uruaçu foram beatificados pelo Papa João Paulo II no ano 2000. A autorização para a santificação ocorreu em março e a cerimônia acontecerá no dia 15 de outubro. Os mártires também reconhecidos como protomártires do Brasil foram declarados padroeiros do estado.