Facebook

Image Map

25 de janeiro de 2017

Operação Sorriso transforma a vida de 52 pessoas em sua volta a Mossoró (RN) e realiza mais de 900 atendimentos

Exibindo maria_isis_Operação Sorriso_Missão Mossoró.jpg

Em sua segunda passagem pela cidade de Mossoró, a ONG Operação Sorriso atingiu números impressionantes: foram realizadas 900 consultas especializadas gratuitas em 100 pacientes triados. Destes, 52 foram selecionados para cirurgia. Um deles é João Francisco, de 77 anos. O agricultor, que ainda trabalha para sustentar a família, é avô de 21 netos e, graças a um vizinho, teve a oportunidade de realizar a cirurgia reparadora da fissura labial. De 16 a 21 de janeiro, voluntários vindos de diversas regiões do Brasil e de 7 outros países, atenderam não só pacientes da cidade de Mossoró e região, como também de outros Estados, a exemplo da Paraíba e do Ceará. Além dos pacientes que participaram pela primeira vez da missão, outras 53 pessoas operadas em 2016 retornaram para a consulta pós-operatória de 6 meses.

Nesta segunda edição do programa humanitário em Mossoró, todos os pacientes selecionados para a cirurgias fizeram uma avaliação dentária a fim de recuperar dentes cariados. Realizada pela primeira vez no ano passado em Porto Velho, a ação foi repetida com sucesso em Mossoró. Além disso, houve ainda um treinamento de fonoaudiologia para voluntários locais e estudantes da área, além de um seminário multidisciplinar.

“Mais uma vez, a população de Mossoró foi extremamente receptiva! Muitos apoiadores locais contribuíram com doações de todos os tipos, como água, transporte e cestas básicas para pacientes, entre outros itens”, diz Ana Stabel, diretora executiva da Operação Sorriso.

A volta à cidade de Mossoró aconteceu graças ao apoio da Voltalia, BNDES e Copel, que viabilizarão ainda a realização de outros programas humanitários até 2019. O Hospital Wilson Rosado, o Centro Clínico Prof. Vingt Un Rosado e a Prefeitura Municipal do Mossoró também foram parceiros da organização neste programa humanitário.

Outras empresas, como Azul Linhas Aéreas, Johnson&Johnson, White Martins, Abbvie, Alfacomputer, Aumund, Bradesco Seguros, Citi, Associação Citi Esperança, Comerc, Cristália, Day Pharma, Eu amo papelão, Icatu Seguros, Infobip, iZettle, Medtronic, Pepsico, Rei do Malote, Repsol Sinopec Brasil, Rotary Club, Schivartche Advogados, Seteco, Staples, The British School, Way Models e Approach Comunicação são outras apoiadoras da organização.

A Associação Brasileira de Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial (ABCCMF), Projeto Genoma, Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e a Marinha do Brasil também são parceiros da Operação Sorriso na cidade de Mossoró. Veja a lista completa no site www.operacaosorriso.org.br.

Sobre a Operação Sorriso 

A Operação Sorriso é a maior organização médica voluntária do mundo. Reúne profissionais de 60 países para ajudar exclusivamente a pessoas portadoras de deformidades faciais, especialmente lábio leporino e fenda palatina. Em 35 anos de atuação, já transformou a vida de mais de 240 mil pessoas.

No Brasil, as ações tiveram início em 1997. Ao longo de 20 anos, mais de 10 mil pessoas foram atendidas em quase 95 mil avaliações especializadas. Mais de 6,8 procedimentos cirúrgicos foram realizados em mais de 5 mil pacientes. Tudo gratuitamente, devolvendo funcionalidade e autoestimas para milhares de paciente. Neste ano, além de Mossoró, a Operação Sorriso voltará a realizar programas humanitários nas cidades de Santarém (PA), Fortaleza (CE) e Porto Velho (RO).